Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

As Nossas Estrelas

O principe e a princesa que vieram iluminar a nossa vida

As Nossas Estrelas

O principe e a princesa que vieram iluminar a nossa vida

15
Mar13

Não há dois filhos iguais!

A Nossa Estrela

Eu sei, eu sei, mas as comparações são inevitáveis!

 

Como o Príncipe foi amamentado em exclusivo até aos 6 meses, convenci-me que com a M. as coisas iriam correr da mesma forma. Mas não! Aos 3 meses foi necessário introduzir suplemento e aos 5 meses a mama foi excluída da alimentação da Princesa, por ela, pois cada vez que a colocava à mama ou virava a cara ou mamava cerca de 2 minutos em cada mama.

 

Para mim foi uma desilusão, fiquei triste, decepcionada comigo. Toda a gente me disse para não estar assim, que a culpa não foi minha mas lá no fundo acho que não soube gerir bem a coisa.

 

Com o G. foi tudo muito natural muito fácil, com a M. não e eu acho que deveria ter feito mais qualquer coisa embora não saiba ao certo o quê.

 

Tentar dar mais vezes mama não resultou bem porque se encurtava o intervalo entre as mamadas então é que ela não agarrava mesmo, coisa de gaja pois fica saciada com muita facilidade. Será que era a pega que não era bem feita e eu não me apercebi? Será que era o meu leite que era fraco? A verdade é que em duas semanas seguidas ela apenas aumentou 70 e 80 gramas respectivamente. Juntando o facto de se bolçar muito o medo instaurou-se em mim!

 

Acreditem que nesta coisa da alimentação da M. tenho-me sentido mãe de primeira viagem, algo que não senti com o G..

 

Mas mesmo quando a mama ficou de lado e passou a alimentar-se apenas com LA as minhas preocupações não acabaram pois Dona M. come/bebe mesmo pouco! Primeiro comecei por tentar 6 refeições por dia, mas nada disso, só consigo 5 e mesmo assim é capaz de ao fim de 7 horas sem comer (durante a noite) limitar-se a beber apenas 100ml de leite!

 

A páginas tantas a pediatra começou a achar que eu estava a stressar sem razão isto porque pesei-a com o intervalo de duas semanas e ela aumentou bem, cerca de 500gr! Aí caí em mim e passei a relativizar a coisa, quer comer come, não quer não quer!!!!

 

E é assim que andamos há cerca de duas semanas. Não vou negar, que ando ansiosa para que chegue o dia da consulta dos 6 meses para avaliar o peso da cachopa, mas não stresso "tanto" quando ela deixa metade do biberão por beber!!!!!

 

De resto está tudo em ordem!!!

Beijokas

Sandra

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.