Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

As Nossas Estrelas

O principe e a princesa que vieram iluminar a nossa vida

As Nossas Estrelas

O principe e a princesa que vieram iluminar a nossa vida

16
Jun11

526

A Nossa Estrela

Foram 526 os quilómetros que percorremos para fazer uma surpresa aos avós maternos do Príncipe.

 

É verdade, foi um pouco de loucos, mas valeu cada metro percorrido para ver a felicidade estampada e declarada dos avós C. e L..

 

Como é habitual, os avós maternos do Príncipe, uma vez por ano, vão dar uma voltinha pelo norte de Portugal, e este ano não foi excepção. Em algumas conversas reparamos que eles gostariam de fazer uma com todos, mas devido ás vidas tão aterefadas seria difícil conciliar alguns dias, mesmo que poucos, de férias.

 

Assim, mamã e tia A., decidiram que este ano iríamos ter com eles, estivessem eles onde estivessem.

 

No sábado passado, um pouco antes do meio-dia, mamã, papá, Príncipe, tios A. e P., colocaram-se a caminho. O GPS começou por indicar como hora de chegada as 17h25m, mas com as paragens que teríamos que fazer mais o almoço essa hora não seria a provável de chegada. E não foi. Eram 19h50m quando finalmente chegamos a Bragança!!!!!!

 

Ainda pelo caminho conseguimos saber em que hotel estavam hospedados e por isso foi essa a nossa primeira paragem, mas eles não estavam lá, tinham saído para jantar. Mais um telefonema e conseguimos saber a localidade onde estavam (vá lá, era apenas a 5km de distância!!!!). A partir daí foi chegar á dita localidade e procurar o carro dos avós nos restaurantes que por lá existiam (vá lá, eram só cinco e todos seguidinhos!!!!). 

 

Quando entramos pelo restaurante a dentro o avô do Príncipe foi a primeiro a ver-nos e levou as mãos á cabeça. A avó L. que ainda não nos tinha visto assustou-se pois pensou que o avô estava a sentir-se mal, mas rapidamente todos se recompuseram e deliraram com a nossa surpresa.

 

Ficaram tãooooooooooooo felizes!!!!!!!!!!!!! E ainda melhor, demonstraram-no e fizeram-nos sentir que todo aquele esforço tinha valido a pena. 

 

No domingo passeamos um pouco por Bragança e fomos ao Castelo, muito bonito!

 

 

De seguida rumamos a Chaves para almoçar. Depois de almoço e de dar-mos uma voltinha seguimos para Guimarães onde jantamos e ficamos de noite. A cidade berço de Portugal é mesmo bonita!

 

 

 

 

 

 

Na segunda-feira de manhã, depois do pequeno-almoço tomado, regressamos a casa, a mamã, o papá, o Príncipe e os tios A. e P.. Quanto aos avós maternos continuaram a viagem, mas nós tínhamos mesmo que voltar, a mamã tinha uma reunião marcada na parte da tarde.

 

Eram 15horas estávamos a chegar.

 

Foi cansativo, sem dúvida, mas tão, tão gostoso que nem imaginam!

 

Obrigada Avós!

 

Amanhã temos festa, mas depois conto tudo.

Beijocas

Sandra

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.