Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

As Nossas Estrelas

O principe e a princesa que vieram iluminar a nossa vida

As Nossas Estrelas

O principe e a princesa que vieram iluminar a nossa vida

31
Out08

Mais uma semana...

A Nossa Estrela

...se passou. O Príncipe está bem apesar de ter passado por um cenário de principio de crise de brônquios, mas como fomos rápidos a intervir lá escapou e não foi necessário faltar à escolinha.

 

O estado de graça na escolinha mantém-se e fica sempre muito feliz e regressa a casa sempre bem disposto a contar como foi o seu dia. Mas o dia que o faz mais feliz é sem dúvida o dia de ginástica, adora.

 

Aqui a mamã do Príncipe é que anda um pouco adoentada, primeiro foi uma lesão num musculo da perna, o que me está a obrigar a parar no ginásio, o que como todos sabem deixa-me super irritada e para além disso ando com o nariz tapado, uma impressão na garganta, digamos que um mau estar geral

 

Ontem, em conversa com a avó L., aqui a mamã do Príncipe queixava-se e em brincadeira disse para a avó:

- Estou para morrer com este mau estar!

Imediatamente, o Príncipe que estava ao meu lado comenta:

- Mamã não vais morrer pois não? Eu não quero que tu morras!

Como imaginam fiquei de boca aberta , irritada comigo por ter feito aquele comentário estúpido, mas lá respondi:

- Não filhote, a mamã não vai morrer, só quando for muito velhinha e tu já fores crescido.

Depois ainda perguntei:

- Mas tu sabes o que é morrer?

E ele disse:

- Sei, é quando vão para o céu e ficam estrelinhas!

 

Não sei se ele sabe exactamente o que é morrer, mas fiquei com a nítida sensação que ele associa a morte a separação e a ausência.

 

Esta semana, na quarta-feira, tivemos direito a birra matinal, mas daquelas em que acordou a chorar, vestiu-se a chorar, tomou o pequeno-almoço a chorar, lavou-se a chorar e apenas a meio caminho da escola é que se calou. Sem dúvida que o Príncipe não é uma criança de birras, como é natural de vez em quando lá acontece uma, mas esta foi demais. Acho que estava com o sono cerrado quando o acordei e por isso mesmo ficou mal disposto, porque a páginas tantas eu perguntava-lhe:

- Mas estás a chorar porquê?

E ele respondeu, no meio de muito choro:

- Não sei, mas também não consigo parar de chorar!

Enfim...lá passou e para compensar hoje portou-se lindamente, um anjo perfeito!

 

Mais um fim-de-semana que se aproxima e apesar de caseiro vai ser trabalhoso, depois eu conto...

 

Beijinhos

Sandra

11 comentários

Comentar post

Pág. 1/2